Notícias  >  LER NOTÍCIA
Quarta-Feira, 05 de Abril de 2017

Fórmula 3 Michael Schumacher em exposição no Museu do Caramulo

 
 

O Museu do Caramulo recebeu, na sua exposição de automóveis, o Reynard 903 de Michael Schumacher, gentilmente cedido pela Fundação Casa da Macau.

 

Em 1990, Michael Schumacher ganhou o Grande Prémio de Macau de Fórmula 3 ao volante do Reynard 903, após uma renhida competição com Mika Häkkinen. Na 30ª e última volta da competição, Schumacher vence, após Häkkinen tentar ultrapassar e embater na traseira do Reynard de Schumacher, que terminou a corrida e se sagrou campeão de um dos mais míticos percursos do grande prémio.

 

O Reynard 903 é considerado um dos mais conhecidos modelos da Fórmula 3 e estará em exposição, no Museu do Caramulo, durante os próximos meses.

 
 

Sobre o Reynard 903

 

Fundada em 1973, por Adrian Reynard, a Reynard Motorsport foi uma das maiores construtoras de automóveis de corrida, tendo alcançado grandes sucessos na Fórmula Ford 1600, Fórmula Ford 2000, Fórmula 3, Fórmula Atlantic, Fórmula 3000 e Fórmula Ford Indy.

 

Após vencer a Fórmula 3000 em 1989, com o modelo 893, Reynard decide criar o modelo 903, que mantinha as especificações do modelo anterior, com melhorias ao nível da aerodinâmica. Não era, no entanto, fácil de conduzir nem muitas vezes rápido, o que levou a que, passado pouco tempo, os pilotos optassem pelo rival Ralt RT34.

 

Com a vitória no Grande Prémio de Macau da Fórmula 3, em 1990, pelas mãos de Michael Schumacher, o Reynard 903 fica na história como protagonista de um dos momentos mais marcantes da história do automobilismo, ao disputar com Mika Häkkinen a liderança da prova na última volta.

 

Ficha Técnica:

1990

200 hp

4 cil

2000 c.c.

6 vel.

550 kg

275 km/h

 

PARTILHAR