Notícias  >  LER NOTÍCIA
Sexta-Feira, 09 de Junho de 2017

Museu do Caramulo inaugura "Black Box: Museu Imaginário"

 
 

O Museu do Caramulo vai inaugurar no próximo Sábado, dia 10 de Junho, pelas 17h00, a exposição temporária de arte contemporânea “Black Box: Museu Imaginário”, com direcção de João Louro.

 

A exposição conta com obras de Fernanda Fragateiro, João Queiroz, José Pedro Croft, Julião Sarmento, Miguel Ângelo Rocha e Rui Chafes e apresenta oito obras contemporâneas das áreas da pintura, escultura, mobiliário e instalação, inseridas nas salas de arte do Museu do Caramulo, em confronto com o acervo permanente do museu.

 

“Black Box: Museu Imaginário” é a primeira de um ciclo de seis exposições a ter lugar no Museu do Caramulo nos próximos seis anos sendo, cada uma delas, dirigida por um artista. Segundo Tiago Patrício Gouveia, Director do Museu do Caramulo, “esta exposição apresenta um conceito diferente, que permitirá ao público criar dinâmicas que possibilitem novas leituras das obras existentes e das novas obras expostas. É também a primeira vez que o Museu do Caramulo convida um artista para fazer a direcção de uma exposição e a abrir este ciclo, convidámos o artista João Louro, representante de Portugal na Bienal de Veneza, que conseguiu reunir seis dos maiores artistas contemporâneos nacionais, o que vai criar logo à partida muita antecipação por parte do público.”

 

Esta exposição tem o apoio do Banco BPI, da Câmara Municipal de Tondela, da EDC – Associação de Eventos do Caramulo e do Jornal dos Clássicos.

 
 
 

PARTILHAR